estimulação cognitiva

Investigadoras defendem plano de recuperação para os lares

A pandemia levou a uma perda de capacidades cognitivas e motoras em pessoas mais vulneráveis, por falta de estimulação, nomeadamente nos lares, e por isso é necessário o Governo implementar um Plano de Recuperação para esta área segundo duas investigadoras. Os Planos de Recuperação que aconselham terão de trabalhar ao nível da fisioterapia, de estimulação cognitiva, de retomar os laços intergeracionais, entre outras áreas de intervenção.

Estimular o envelhecimento ativo

O Círculo de Mestres, uma rede de residências sénior, implementa um programa inovador de promoção do envelhecimento ativo com vista ao contínuo desenvolvimento físico e intelectual dos idosos, bem como a concretização de projetos de vida de utentes. A expansão desta rede aumentará para 4 unidades, entre Aveiro, Coimbra e Oeiras, o que permitirá a itinerância dos residentes entre campo, praia e cidade.

Dicas para treinar o cérebro

O envelhecimento ativo é muito importante para a saúde do idoso, e nesse sentido há uma série de atividades que funcionam como exercícios cognitivos, ainda mais neste momento em que estamos mais isolados socialmente. Todas as atividades propostas devem levar em consideração as condições físicas, psicológicas e sociais do indivíduo.