Doenças

Investimento no estudo do tratamento da doença coronária

Um consórcio liderado pela ICNAS-Produção, empresa da Universidade de Coimbra (UC), obteve meio milhão de euros de financiamento do programa COMPETE 2020 para concretizar um projeto de investigação de 2 anos, intitulado “BioImage2CTO”, que pretende desenvolver novos biomarcadores de imagem que permitam melhorar o tratamento da doença coronária, uma das principais causas de morte a nível mundial.

Programa inovador para ajudar a lidar com a dor crónica

Uma equipa de investigadores da Universidade de Coimbra (UC) desenvolveu um programa psicoterapêutico inovador destinado a pessoas com dor crónica, um problema de saúde que afeta cerca de 37% da população portuguesa. Chama-se iACTwithPain, está disponível numa plataforma digital desenhada para o efeito – https://iact.isr.uc.pt

Osteoporose: proteja os seus ossos

A osteoporose é uma doença que fragiliza o osso, aumentando o risco de fratura e que se carateriza pelo adelgaçamento dos espaços ósseos, ou seja, na prática, esta patologia afeta a densidade e qualidade dos ossos e é considerada uma doença silenciosa:

Estar alerta para os sintomas do Alzheimer

É muito importante haver uma conscientização do Alzheimer, forma mais comum de demência neurodegenerativa que é progressiva, irreversível, de causa desconhecida e com maior frequência entre os idosos. A doença instala-se quando começa a não existir o processamento de certas proteínas do sistema nervoso central.

Nanopartícula contra o cancro criada em Coimbra obtém estatuto de ‘medicamento órfão’

Uma nanopartícula de nova geração de base lipídica (PEGASEMP) para combate ao cancro desenvolvida na Universidade de Coimbra (UC) obteve o estatuto de ‘medicamento órfão’pela Agência Europeia do Medicamento (EMA) e pela Autoridade Reguladora Americana (Food and Drug Administration – FDA) para o tratamento do mesotelioma maligno, um tipo de cancro raro que resulta da exposição a amianto.