Programa Apoio na Incontinência

Programa “Apoio na Incontinência”

O Programa «Apoio na Incontinência» é um projeto integrado no «Plano de Ajuda» da Alzheimer Portugal, que oferece apoio aos associados para a obtenção de materiais para a incontinência, mediante uma candidatura. 
Este ano o Programa é apoiado pela Hartmann e Nivelfarma.

Estão abertas as candidaturas para o Programa "Apoio na Incontinência" 2021. 
Candidate-se até 16 de agosto de 2021. 

Critérios de Inclusão:

  • Ter diagnóstico de Doença de Alzheimer ou de outra forma de Demência;
  • Ter situação de incontinência comprovada por médico assistente;
  • Ter rendimentos baixos;
  • Ser associado, com as quotas pagas, incluindo as do presente ano 2021;
  • Preencher a respetiva ficha de candidatura e apresentar os comprovativos requeridos;
  • Cumprir o prazo definido para a entrega da candidatura (16-08-2021);
  • Estar entre os primeiros candidatos que cumpram os anteriores critérios (o número de beneficiários é determinado através de donativos e outros projetos pontuais).

As candidaturas estão sujeitas a avaliação social.

Como pode candidatar-se: 

Envie, até 16-08-2021, a Ficha de Candidatura devidamente preenchida e assinada (por e-mail ou correio), para a Sede ou Delegação/Núcleo da sua área de residência. 

  • Distritos abrangidos pela Delegação Norte: Porto, Viana do Castelo, Vila Real, Bragança, Braga
  • Distritos abrangidos pela Delegação Centro: Coimbra, Guarda, Leiria, Viseu, Castelo Branco, Aveiro
  • Distritos abrangidos pela Sede: Lisboa, Setúbal, Portalegre, Beja, Évora
  • Distrito abrangido pelo Núcleo do Ribatejo: Santarém
  • Distrito abrangido pelo Núcleo do Algarve: Faro

Envie, juntamente com a ficha de candidatura, os seguintes documentos (mesmo que já os tenha apresentado em anos anteriores): 

  1. Documento comprovativo de rendimento por cada elemento do agregado familiar: Declaração de IRS, entregue no ano de 2021, referente aos rendimentos do ano de 2020; ou fotocópia do talão anual, recebido em Janeiro de 2021, da Pensão ou Declaração detalhada emitida pela Segurança Social, que faça referência à situação atual de cada elemento do agregado familiar. Se auferir de algum rendimento, o valor deverá estar patente na declaração enviada.
  2. Para os utentes cujo rendimento mensal individual não ultrapasse os 665€(), requisita-se uma declaração, emitida pela Repartição de Finanças, com o intuito de confirmar a ausência de entrega da Declaração de IRS do ano de 2020. () Salário Mínimo Nacional referente ao ano de 2021.
  3. Cópia dos recibos das despesas fixas referentes ao mês anterior à candidatura, como, por exemplo, a renda da casa ou prestação de habitação e faturas de água, luz, gás, telefone fixo. Pode ainda juntar recibos das despesas de saúde, em caso de medicação específica;
  4. Declaração do médico assistente em relação ao estado de saúde e, neste caso, atestando a situação de incontinência 
    (Candidaturas ao Programa Apoio na Incontinência realizadas em anos anteriores não necessitam de entregar o documento referido no ponto 4. Apenas é obrigatório para novas (1ª vez) candidaturas);
  5. Declaração emitida pela Junta de Freguesia da área de residência que venha comprovar a composição do agregado familiar, indicado no ponto 3.1. da ficha de candidatura.
  6. Cópia de B.I./ Cartão de Cidadão de cada um dos elementos que compõem o agregado familiar.

Avaliação

Todos os processos serão analisados de acordo com a sua ordem de chegada.

Apenas serão contempladas as candidaturas que cheguem à Alzheimer Portugal até à data referida (16-08-2020), não devendo ser considerada a data dos correios, mas sim a data de entrada na Associação. 

Quanto às respostas, serão emitidas assim que nos sejam enviados todos os dados necessários para essa mesma análise. As respostas a todas as candidaturas serão enviadas por escrito, para a morada do associado.

Mais informações aqui.