Psicólogos procuram apoiar idosos na adaptação ao impacto da pandemia

Os profissionais de saúde lançaram um guia que procura auxiliar as pessoas mais idosas na adaptação às medidas restritivas impostas pela pandemia.

A Ordem dos Psicólogos Portugueses (OPP) lançou um documento que procura oferecer estratégias para ajudar os idosos a lidarem com as restrições impostas pela pandemia covid-19, com o propósito de promover a saúde psicológica dos adultos mais velhos.


Perante a situação pandémica atual, ao lado de todas as pessoas, “é natural que os cidadãos seniores tenham sentido stress, medo, ansiedade e incerteza”, revela a OPP em comunicado. “Muitos sentiram-se vulneráveis, “em baixo”, deixaram de ter prazer nas atividades que realizaram habitualmente e sentiram dificuldade em ter esperança no futuro”.


É com esta perspetiva e com a consciência do impacto das medidas restritivas, que procuram impedir a disseminação do vírus SARS-CoV-2, nos mais idosos, que a OPP considera ser fundamental apoiá-los na diminuição das suas preocupações e procurar oferecer estratégias que possam garantir o seu bem-estar físico e mental.


Neste sentido, a necessidade de colocar questões abertas para estes reconhecerem como se sentem, “validar os seus sentimentos e preocupações, celebrar datas importantes, permanecer disponível e incentivar o autocuidado são algumas das sugestões” dos profissionais para acompanhar os adultos mais velhos.

Consulte o documento que apresenta todas as estratégias através deste link: https://www.ordemdospsicologos.pt/ficheiros/documentos/comoapoiarosadultosmaisvelhos.pdf.