Task force apela ao respeito pelos horários dos centros de vacinação

A task force que coordena a vacinação contra a Covid-19 apelou ao respeito pelos horários de cada centro de vacinação, de modo a diluir o fluxo de utentes a vacinar nas várias modalidades disponíveis.

A task force que coordena a vacinação contra a Covid-19 apelou ao respeito pelos horários de cada centro de vacinação, de modo a diluir o fluxo de utentes a vacinar nas várias modalidades disponíveis.

De acordo com a task force divulgada pelo website do SNS, “nos últimos dias, um significativo número de utentes sem agendamento dirigiu-se a alguns Centros de Vacinação Covid (CVC) para serem vacinados nas modalidades ‘casa aberta’ e antecipação da segunda dose da vacina AstraZeneca, sem respeitarem horários estipulados por cada uma destas estruturas”.

Assim, e com o objetivo de diluir o fluxo de utentes aos centros, a task force solicita que “todos os utentes respeitem os horários estabelecidos, quer no agendamento por mensagem SMS e telefonema, quer para as modalidades ‘casa aberta’ e de antecipação da segunda dose da AstraZeneca, definidos para cada CVC”.

Em comunicado, a task force apela à “compreensão e tolerância de todos os utentes no respeito pelas orientações e aconselhamento” dos profissionais.