Concurso para 250 lugares de médico assistente graduado sénior

O Governo autorizou a abertura de um concurso para o preenchimento de 250 lugares de assistente graduado sénior, admitindo que se regista uma diminuição de médicos com esta categoria desde 2011.

O Governo autorizou a abertura de um concurso para o preenchimento de 250 lugares de assistente graduado sénior, admitindo que se regista uma diminuição de médicos com esta categoria desde 2011.

Segundo o Sindicato Independente dos Médicos, nos últimos 10 anos, reformaram-se cerca de 2200 médicos assistentes graduados seniores e só terão entrado, até agora, cerca de 400. Segundo o Governo, em 2017 e 2019 foi autorizada a abertura de procedimentos de recrutamento, tendo em vista o preenchimento de, no total destes dois anos, de 400 postos de trabalho para clínicos nessa categoria da carreira médica.

Para as funções de direção, chefia ou coordenação de departamentos, serviços ou unidades funcionais, a lei prevê que sejam desempenhadas por médicos com a categoria de assistente graduado sénior ou, em casos devidamente fundamentados, de assistente graduado.