rolhas terceira idade

Projeto de investigação: rolhas para 3ª idade

Uma equipa constituída por investigadores de diversas áreas, que vão desde a gerontologia, a educação, o design e a tecnologia, procurou solucionar uma fragilidade funcional patente na 3ª idade, a dificuldade na abertura de recipientes com rolhas circulares tradicionais de rosca.

Uma equipa constituída por investigadores de diversas áreas, que vão desde a gerontologia, a educação, o design e a tecnologia, procurou solucionar uma fragilidade funcional patente na 3ª idade, a dificuldade na abertura de recipientes com rolhas circulares tradicionais de rosca.

Em parceria com a Associação Nacional de Gerontologia Social (ANGES), os investigadores, Bruno Trindade, Ricardo Pocinho, Pedro Silva, Gonçalo Martins, Domingos Santos e João Júlio Serrano, desenvolveram um produto ergonómico, para colmatar uma lacuna ao nível da força biomecânica na 3ª idade, procurando dar uma resposta funcional alternativa para melhorar a qualidade de vida dos idosos. Desta forma surge um produto inovador que facilita as tarefas repetitivas diárias, como a abertura de garrafas.

Este produto foi concebido com materiais adequados e um conceito de design criativo, estando patenteado com o Registo de Design no Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI).

As rolhas foram concebidas num formato que permite a autonomia dos idosos sem necessidade de intervenção por parte de terceiros, ajudando-os a serem mais independentes, o que, sem dúvida, constituirá uma mais valia para o seu dia a dia.