envelhecimento ativo Alzheimer

Estimular o envelhecimento ativo

O Círculo de Mestres, uma rede de residências sénior, implementa um programa inovador de promoção do envelhecimento ativo com vista ao contínuo desenvolvimento físico e intelectual dos idosos, bem como a concretização de projetos de vida de utentes. A expansão desta rede aumentará para 4 unidades, entre Aveiro, Coimbra e Oeiras, o que permitirá a itinerância dos residentes entre campo, praia e cidade.

O Círculo de Mestres, uma rede de residências sénior, implementa um programa inovador de promoção do envelhecimento ativo com vista ao contínuo desenvolvimento físico e intelectual dos idosos, bem como a concretização de projetos de vida de utentes. A expansão desta rede aumentará para 4 unidades, entre Aveiro, Coimbra e Oeiras, o que permitirá a itinerância dos residentes entre campo, praia e cidade.

Com o crescente aumento da população sénior surgiu um novo conceito de residências, designado de Círculo de Mestres, que pretende dar resposta ao envelhecimento ativo e dignificante da população utente com forte aposta no desenvolvimento físico, cognitivo e intelectual dos utentes. Neste momento possuem 2 residências ativas, num total de 80 utentes, mas irão abrir mais 2 unidades em Oeiras e Coimbra, o que vai permitir o início de um inovador conceito de regime de intercâmbio entre cidade, campo e praia, permitindo potencializar e concretizar projetos de vida inacabados ou somente sonhados.

A estimulação cognitivo-sensorial é já uma prática corrente que ativa nos idosos as capacidades necessárias para manterem a qualidade de vida em atividades simples como folhear páginas de livros e jornais, pintar telas ou bordar, um acompanhamento médico feito por uma equipa multidisciplinar que envolve médicos, fisioterapeutas, psicólogos, animadores e assistentes sociais. Estimular as capacidades cognitivas e lúdicas dos seus utentes é um dos objetivos da rede de lares Círculo de Mestres, como aprender música, expressar-se pela pintura, desenvolver um projeto pessoal ou usar um computador, tudo é válido para manter os idosos ativos e interessados, sem esquecer o acompanhamento familiar em segurança, à distância de um clique. Celebram ainda datas comemorativas, participam em iniciativas da comunidade e até em concursos onde os idosos possam mostrar as suas capacidades de uma longa experiência de vida.

O importante é assumir que o caminho a seguir seja o de implementar estratégias cujo objetivo primordial seja dar o máximo de dignidade à pessoa idosa, reconhecendo-lhe e valorizando o contributo significativo que já desempenhou em prol da comunidade.

A rede de Residências Círculo de Mestres está atualmente em crescimento e conta com o Solar das Camélias, em Albergaria-a-Velha, com a Casa do Sol Poente, em Requeixo, tendo prevista a abertura de uma residência sénior em Carnaxide, e o Solar do Mondego, em Coimbra, que se encontra ainda em processo de construção. O seu desenvolvimento processar-se-á numa primeira fase desde o Norte até Lisboa e com o implementar da segunda fase, irá alongar-se até ao Algarve e interior.