cuidador informal

Projeto de formação para cuidadores de idosos

A psicóloga Vilma de Oliveira Lopes apresenta um projeto de formação para cuidadores de idosos, destinado a pessoas que desejam ser cuidador profissional ou cuidador informal.

A psicóloga Vilma de Oliveira Lopes apresenta um projeto de formação para cuidadores de idosos, destinado a pessoas que desejam ser cuidador profissional ou cuidador informal.

Cuidar requer conhecimento, responsabilidade, humanidade, afetividade, fatores fundamentais no processo interpessoal entre cuidador – idoso – familiares”, refere Vilma de Oliveira Lopes. “O processo de formação de cuidador do idoso destina-se também à aprendizagem de técnicas de cuidados com o idoso, algumas técnicas de saúde para facilitar o bem-estar do idoso sem que haja sofrimento”, adianta ainda.

Público Alvo: -Pessoas com interesse pessoal na área do cuidador de idoso;

                          -Trabalhadores da área de saúde;

                          -Imigrantes.

Pré-requisitos: – Necessário fazer uma avaliação: faixa etária; habilidades literárias; experiência profissional; nacionalidade.

Objetivos Gerais:

-Aprender técnicas para cuidados com o idoso;

-Promover o autoconhecimento para atender às necessidades do idoso;

-Responder às necessidades do idoso;

-Estimular a colaboração dos familiares com o idoso;

-Fomentar capacitação e interação do cuidador com o idoso e familiares;

-Aprender atividades socioculturais e sociocognitivas para o idoso.

Objetivos Específicos:

-Visa promover a capacitação, técnicas e aperfeiçoamento de competências para a prática nas atividades diárias com o idoso;

– Está apto a desempenhar atividades de saúde e atividades de lazer;

-Está apto a técnicas humanitárias;

-Capacitar o cuidador do idoso.

Conteúdos de aprendizagem:

-Ética no cuidar;

-Importância de colocar-se no lugar do outro;

-Autoconhecimento: o que quero, como me vejo, o que me representa;

-Identificar aspetos negativos no outro e o que posso aprender;

-Respeito (crença, valores, pudores, emoções);

-Saber ouvir o outro;

-Pedir ajuda;

-Saber hora de falar e calar;

-Atividades diárias: Ludicidade, musicoterapia, histórias, motricidade, passeio, culinária;

-Promoção de vida autónoma com maior qualidade;

-Adequação dos serviços de saúde.

Metodologias e estratégias:

Pretende que cada formando No final do módulo esteja apto a:

-Aplicar as técnicas e métodos pedagógicos adequados;

-Identificar as vantagens e importância da formação para cuidador de idoso;

– Enumerar as necessidades específicas de saúde em todos os campos de: promoção, tratamento, prevenção e humanização;

-Conhecimentos específicos na área de saúde;

-Competências pessoais e sociais.

Formadora:

Vilma de Oliveira Lopes

Licenciada em Letras pela Universidade Norte do Paraná. Mestre em Psicologia da Saúde pela FUNIBER – Espanha.

Contactos:

Email: vilmavida@hotmail.com; artedeenvelhecerbem@hotmail.com

Tel.: + 351 963607677