100 idade

Pampilhosa da Serra – “100 idade” continua a reinventar o envelhecimento na pandemia

O Projeto Comunitário “100 idade” completou recentemente um ano de existência, continuando a combater o isolamento social e a solidão em todo o concelho de Pampilhosa da Serra.

O Projeto Comunitário “100 idade” completou recentemente um ano de existência, continuando a combater o isolamento social e a solidão em todo o concelho de Pampilhosa da Serra.

Assim, e de acordo com a autarquia, “a equipa tem mantido a realização de intervenções junto dos seus inscritos, nomeadamente com a entrega, à porta de casa, de exercícios lúdicos de estimulação motora e cognitiva, mantendo assim o vínculo e o elo de ligação com a comunidade. Também o contacto com a população através de intervenções por telefone tem sido assegurado”.

Desde a imposição do confinamento foram abrangidas 38 das 109 localidades do concelho, correspondendo a mais de 150 pessoas, entre inscritos e contactos diretos.

Tanto no terreno como por telefone, a equipa do “100 idade” garante que a recetividade da população tem sido “muito boa e o feedback não podia ser mais positivo”. Os colaboradores dizem-se assim “de coração cheio” por poder continuar a manter uma relação de proximidade com a população, que se encontra em isolamento social devido às condições geográficas do território e ao panorama pandémico vivido na região e no país, lê-se igualmente na nota que a autarquia fez chegar à comunicação social.

Recorde-se que a implementação deste projeto resulta de uma parceria entre a Associação de Solidariedade Social de Dornelas do Zêzere, a Cáritas Diocesana de Coimbra e a Santa Casa da Misericórdia de Pampilhosa da Serra, através do programa “Parcerias Para o Impacto” da iniciativa pública Portugal Inovação Social, tendo como investidores sociais o Município de Pampilhosa da Serra e a Fundação Dr. José Fernando Nunes Barata.

Para atingir os objetivos propostos, foram delineados dois eixos de intervenção fundamentais: Promoção do Bem-Estar Físico e da Mobilidade e Promoção do Bem-Estar Emocional, Ocupacional, Social e Cultural.