demência

Estudo global vai examinar como a Covid-19 afeta o cérebro

Um novo estudo internacional irá examinar se os pacientes com Covid-19 correm maior risco de complicações neurológicas, incluindo doença de Alzheimer e outros tipos de demência, avança o New York Post.

Um novo estudo internacional irá examinar se os pacientes com Covid-19 correm maior risco de complicações neurológicas, incluindo doença de Alzheimer e outros tipos de demência, avança o New York Post.

Para isso, serão observados 2 grupos de participantes com resultados positivos para o SARS-CoV-2, que receberam alta de hospitais e aqueles já inscritos em estudos internacionais existentes, disse a Associação de Alzheimer.

Especialistas em saúde de mais de 30 países, juntamente com a Organização Mundial da Saúde, examinarão as consequências de curto e longo prazo das infeções por Covid-19 no sistema nervoso central. Os pacientes recuperados serão examinados aos seis, nove e 18 meses.

Em outubro, um estudo descobriu que a maioria dos pacientes hospitalizados com coronavírus apresentaram problemas neurológicos, incluindo doenças degenerativas.

DOWNLOAD GRATUITO

Dignus5

    (Irá receber um email com o link de download.)