idosos

Covilhã: Projeto arrancou com sensibilização de idosos

O CLDS.4G.Covilhã, cuja coordenação é da Misericórdia, deu início às atividades com ações de sensibilização para idosos.

A Santa Casa da Misericórdia da Covilhã vai ao longo dos próximos 36 meses dinamizar e coordenar o projeto CLDS.4G.Covilhã, no âmbito do Contrato Local de Desenvolvimento Social de quarta geração (CLDS-4G). Criado para intervir junto de grupos populacionais com maiores níveis de fragilidade social este projeto vai operar em três eixos prioritários de intervenção e estima apoiar cerca de 1500 pessoas.

O território da Covilhã foi contemplado com três eixos de intervenção. O eixo 1, direcionado para as questões do emprego, formação e qualificação; o eixo 2, que se centra na intervenção familiar e parental, preventiva da pobreza infantil e o eixo 3, focado e orientado para a promoção do envelhecimento ativo e apoio à população idosa”, começou por contar ao jornal Voz das Misericórdias o provedor da Misericórdia da Covilhã, António Neto Freire.

Até meados de 2023 e segundo o provedor, o CLDS.4G.Covilhã, que conta com uma equipa multidisciplinar composta por um coordenador e três técnicos das áreas das ciências sociais e humanas, prevê “realizar mais de 20 atividades”. Capacitar e apoiar os beneficiários na procura ativa de emprego, estimular e reforçar as capacidades empreendedoras dos alunos do ensino secundário e a promoção de estilos de vida saudáveis são exemplos de ações que serão levadas a cabo.

António Neto Freire disse que face ao contexto pandémico que o país atravessa, o CLDS.4G.Covilhã vai iniciar a sua atividade pelo “eixo 3, cujos destinatários são as pessoas idosas, um dos grupos de risco”.

Assim, e desde o dia 1 de junho, o CLDS.4G.Covilhã tem estado na rua com “ações informativas e de sensibilização junto da população idosa”.A equipa entregou panfletos informativos, explicou o seu conteúdo e abordou temas relacionados com a saúde e direitos sociais. Entregaram, também, um kit com máscaras cirúrgicas sensibilizando para o seu bom uso”, referiu António Neto Freire.

Segundo o provedor, este é “um projeto com muito potencial” que foi “concebido em consórcio” e resulta “de um bom mapeamento das necessidades sociais do concelho” diagnosticadas e identificadas em “estreita interligação com o plano de ação da rede social do concelho”.

Para além da Misericórdia da Covilhã, entidade coordenadora, a quarta geração do CLDS na Covilhã tem ainda como entidades executoras de ações a Associação Regional de Solidariedade para o Progresso do Alto Zêzere (ARPAZ) e a Cooperativa de Intervenção Social (COOLABORA).

Fonte: www.ump.pt/Home/misericordias/noticias/covilha-projeto-arrancou-com-sensibilizacao-de-idosos/?fbclid=IwAR1ZhhAj9l09qMRMAsJhARCcqEQoqm74-TLFGUQ70th2-dghIY2TN_JdRRY

DOWNLOAD GRATUITO

Dignus4

(Irá receber um email com o link de download.)