glovo

Glovo cria uma linha telefónica para dar apoio a idosos e facilitar pedidos de mercearias

A Glovo, um serviço para entregas através de uma app para smartphones, lançou uma linha telefónica para dar apoio a idosos e facilitar os pedidos de mercearias e de parafarmácias.

A Glovo, que gere uma aplicação para smartphones de entrega de produtos e comida, criou uma linha telefónica para pedidos de mercearias e parafarmácias. O objetivo deste novo serviço da plataforma espanhola é “apoiar sobretudo a população sénior e outras camadas mais vulneráveis”, diz a empresa em comunicado. Por causa disso, há um senão: o número só pode ser utilizado por quem não tem uma conta Glovo.

Ao contrário da app, que está disponível 24h sendo os estabelecimentos a definirem os horários, a linha telefónica vai estar acessível todos os dias “entre as 11h e as 17h”. Podem ser feitos “pedidos até 50 euros e no máximo até 9 quilos”. Todas as encomendas “devem ser pagas em dinheiro” e a Glovo deixa a recomendação para se “preparar um envelope com a quantia certa para entregar aos estafetas” antes da chegada do pedido. O contacto desta nova linha é o 21 145 16 10.

A Glovo cria esta linha direta sobretudo para dar apoio aos seniores, uma população mais fragilizada e que, desta forma, tem um meio de acesso facilitado aos bens primordiais como mercearias e parafarmácia, bastando apenas marcar o número de telefone indicado e fazer o seu pedido oralmente”, diz Ricardo Batista, diretor da Glovo em Portugal.

Desde o início da pandemia que empresas de serviços de entrega têm diferenciado o modelo de negócio e apresentado novas formas de entrega. Desde vouchers para ajudar voluntários entregues pela Bolt, passando por apoio de entrega de bens pela Free Now (e Kapten), até à parceria com os CTT da Uber (que integra a Uber Eats), estes negócios têm lançado novos produtos para chegar a uma maior camada da população.

DOWNLOAD GRATUITO

Dignus4

(Irá receber um email com o link de download.)