cérebro

Especialistas alertam para o impacto da Covid-19 no prognóstico dos doentes com AVC

É um alerta conjunto das principais entidades científicas nacionais dedicadas ao Acidente Vascular Cerebral (AVC).

É um alerta conjunto das principais entidades científicas nacionais dedicadas ao Acidente Vascular Cerebral (AVC). A Sociedade Portuguesa do Acidente Vascular Cerebral (SPAVC), a Sociedade Portuguesa de Neurologia (SPN), o Núcleo de Estudos de Doença Vascular Cerebral (NEDVC) da Sociedade Portuguesa de Medicina Interna (SPMI) e a Sociedade Portuguesa de Neurorradiologia de Intervenção (SPNI) sensibilizam profissionais de saúde, população em geral e entidades competentes para o impacto potencialmente dramático na mortalidade e no estado funcional dos doentes com AVC.

Reunindo os vários profissionais dedicados à área da doença vascular cerebral em iniciativas diversas das quatro sociedades científicas (tais como webinars, inquéritos nacionais, reuniões, entre outros), a principal preocupação dos especialistas prende-se com a chegada tardia dos doentes aos centros de tratamento de AVC durante a pandemia Covid-19.

De acordo com um inquérito nacional de perceções aplicado a este grupo de profissionais de saúde, a afluência de doentes aos Serviços de Urgência e Unidades de AVC foi significativamente afetada, já que apenas 22% dos inquiridos afirma ser relativamente semelhante, tendo diminuído também, consideravelmente, o número de doentes tratados com fibrinólise e trombectomia mecânica nos centros em questão.

Assim “a SPAVC mostra-se preocupada com o impacto potencialmente dramático que este facto terá nas taxas de mortalidade global do nosso país, bem como no estado funcional dos doentes com AVC”, refere o Prof. Vítor Tedim Cruz, da Direção da SPAVC.

Para combater esta tendência, “os doentes com AVC não devem recear recorrer aos Serviços de Urgência durante o período de pandemia Covid-19”, sublinha Miguel Rodrigues, em representação SPN, “porque os hospitais têm circuitos diferentes para os doentes com e sem sintomas da Covid-19”, justifica.

campanha

DOWNLOAD GRATUITO

Dignus1

(Irá receber um email com o link de download.)