solidão

Há uma nova linha de combate à solidão para os idosos

Fundação Bissaya Barreto criou uma linha de apoio gratuita. Através do telefone ou de correio electrónico é possível falar com profissionais da área da psicologia.

Numa altura de pandemia em que os idosos são dos mais vulneráveis, a Fundação Bissaya Barreto lança a linha de apoio SOSolidão para que os mais velhos não se sintam tão sós. O serviço vem complementar a linha SOS Pessoa Idosa, criada em 2014 pela mesma fundação, para apoiar em casos de violência, mas que tem vindo a receber cada vez mais chamadas de cidadãos seniores carentes de companhia.

A nova linha é gratuita e pode ser contactada entre as 10h e as 17h, de segunda a sexta-feira, através do 800 91 29 90, ou do email sosolidao@fbb.pt. Do outro lado, estarão “profissionais da área da psicologia com o apoio de uma equipa de acompanhamento e supervisão”, refere a nota de imprensa enviada às redações. A fundação garante a confidencialidade e o anonimato de quem procura este apoio.

A linha agora criada pode revelar-se particularmente importante quando, devido à propagação da covid-19, é recomendado aos mais velhos que fiquem em casa. No comunicado, Fátima Mota, assessora da área social da instituição, sublinha essa importância e afirma que a linha SOSolidão pode ajudar a prevenir “situações de risco, desenvolver estratégias de gestão da ansiedade e da depressão”.

É possível ainda intervir “junto da rede de proximidade, sinalizando situações de carência” que depois podem ser encaminhadas para instituições e serviços que estão a trabalhar no terreno, refere ainda. Por outro lado, tenta-se realizar, sempre que possível, contactos com familiares, vizinhos, amigos ou alguém da comunidade próxima que possa ajudar a minimizar o sentimento de solidão de quem contacta esta linha.

Fonte: www.publico.pt

DOWNLOAD GRATUITO

Dignus4

(Irá receber um email com o link de download.)