comunidades

Covid-19: Ordem dos Psicólogos aconselha estratégias de mitigação para as comunidades

A Ordem dos Psicólogos Portugueses divulgou um documento que reúne um conjunto de estratégias de mitigação da Covid-19 que deve ser implementado em comunidades com transmissão local.

A Ordem dos Psicólogos Portugueses divulgou ontem, dia 18 de março, um documento que reúne um conjunto de estratégias de mitigação da Covid-19 que deve ser implementado em comunidades com transmissão local.

A Ordem lembra que Portugal entrou na primeira fase de mitigação do novo coronavírus, o que significa que “a propagação já não acontece só com casos importados sem cadeias secundárias, mas também com transmissão local em ambiente fechado e transmissão comunitária”.

Por isso, acrescenta, “a pensar na urgência de travar a propagação” aconselha a que seja implementado “um conjunto de ações que pessoas ou comunidades possam adotar para ajudar a atrasar a propagação“.

Estar bem informado, conhecer os sintomas e pôr em prática planos de contingência são algumas das sugestões da Ordem, que sublinha que a informação é dirigida a pessoas e famílias em casa, instituições de ensino, lares e centros de dia, locais de trabalho, instituições religiosas e prestadores de serviços de saúde, sendo categorizada em três níveis de transmissão: nenhum a mínimo, mínimo a moderado e considerável a elevado.

Entre as medidas propostas pela Ordem, “que visam retardar a propagação da doença e, em particular, proteger indivíduos em maior risco de doença grave e profissionais de saúde e infraestruturas críticas“, no âmbito familiar destaca-se o conselho de “criar um plano de ação familiar em caso de doença na família“, abastecimento de medicamentos, alimentos e outros bens essenciais, assim como estabelecer maneiras de comunicar com outras pessoas.

Já nas escolas e instituições de ensino, que estão neste momento encerradas, a Ordem dos Psicólogos propõe a implementação de estratégias de ensino à distância ou e-learning, enquanto nos lares e centros de dia sugere que sejam canceladas saídas com funcionários, limitadas as visitas e mantidos os residentes dentro das instalações para limitar o risco de exposição à comunidade.

campanha

DOWNLOAD GRATUITO

Dignus1

(Irá receber um email com o link de download.)