Investigadores descobrem novo fator de risco na Osteoporose

A osteoporose caracteriza-se pela diminuição da densidade óssea e afeta milhões de pessoas…

A osteoporose caracteriza-se pela diminuição da densidade óssea e afeta milhões de pessoas em todo o mundo. Alguns fatores de risco são inevitáveis, como é o caso do envelhecimento. De facto, a osteoporose tende a afetar indivíduos mais velhos, principalmente mulheres. 

À medida que a investigação sobre causas e estratégias de prevenção continuam, são descobertos novos possíveis fatores de risco. Um novo estudo liderado pelo Instituto de Barcelona para a Saúde Global – cujas descobertas estão publicadas no JAMA Network Open – sugere que a má qualidade do ar está associada a uma menor densidade óssea entre as populações envelhecidas.

Os investigadores analisaram dados sobre a saúde óssea e as condições de vida de 3717 participantes, incluindo 1711 mulheres, de 28 aldeias nas proximidades da cidade de Hyderabad, na Índia. E concluíram que no espaço de três anos verificou-se uma clara perda de massa óssea devido, essencialmente, às partículas que provêm, por exemplo, de escapes de carros. Essas partículas permanecem no ar durante muito tempo e infiltram-se no corpo humano através dos pulmões.

A inalação dessas partículas contaminantes, provoca stress oxidativo e gera inflamações. 

revista dignus

DOWNLOAD GRATUITO

Dignus1

(Irá receber um email com o link de download.)