Estudo sobre mobilidade de idosos nas cidades do futuro

Identificar as barreiras que limitam a mobilidade dos idosos no espaço urbano por forma a projetar a mobilidade ativa e sustentável da população idosa nas cidades do futuro

Identificar as barreiras que limitam a mobilidade dos idosos no espaço urbano por forma a projetar a mobilidade ativa e sustentável da população idosa nas cidades do futuro, foi o mote do estudo desenvolvido por cientistas das universidades de Coimbra e do Porto, intitulado de MOBI-AGE.

Este projeto pretende classificar as barreiras ao nível de acessos pedonais e transportes públicos, nomeadamente nas zonas históricas das cidades, por forma a promover a sua adaptação às necessidades dos idosos, que na sua maioria se deslocam a pé ou de transporte público.

Todos os resultados do MOBI-AGE serão apresentados e debatidos publicamente amanhã, dia 9 de dezembro no Ateneu de Coimbra, com a presença de idosos que participaram na investigação. Com base nas conclusões dos dois estudos de caso realizados, a equipa do projeto irá desenvolver uma plataforma de informação interativa, destinada a câmaras municipais e a utilizadores finais do espaço urbano.

O projeto MOBI-AGE tem o apoio dos municípios de Coimbra e do Porto, bem como do Ateneu de Coimbra, do Centro Paroquial da Sé Velha e do Centro Nossa Senhora da Vitória.

revista dignus

DOWNLOAD GRATUITO

Dignus1

(Irá receber um email com o link de download.)