Idosos do Alentejo e da Estremadura espanhola com assistente tecnológico

Os idosos do Alentejo e da Estremadura espanhola poderão contar com um “assistente pessoal” que os alertará para…

Os idosos do Alentejo e da Estremadura espanhola poderão contar com um “assistente pessoal” que os alertará para a toma de medicação e consultas agendadas.

Em declarações à agência Lusa, José Manuel García Alonso, professor da Universidade da Estremadura, na cidade raiana de Badajoz (Espanha), explicou que este “é um protótipo, [mas] estamos a submetê-lo ao Comité Ético para começar a fazer ensaios com idosos fora do laboratório”. Caso seja aprovado, realça, o assistente de voz vai ficar “em casa de pessoas na Estremadura e no Alentejo” para a realização de ensaios em “ambiente real”, talvez “em princípios de 2020, em janeiro ou fevereiro”.

Este assistente não necessita de conexão à Internet e a comunicação que os idosos mantêm com o dispositivo processa-se no próprio dispositivo, não se envia a nenhum servidor de nenhuma empresa.

Esta foi uma das soluções desenvolvidas pelo Instituto Internacional de Investigação e Inovação do Envelhecimento (4ie), que envolve as universidades de Évora e da Estremadura e os politécnicos de Portalegre e Beja, além da Administração Regional de Saúde (ARS) do Alentejo, e está inserida no âmbito do Programa Europeu de Cooperação Transfronteiriça INTERREG VA Espanha-Portugal (POCTEP).

SiosLife - SET 2019

DOWNLOAD GRATUITO





(Irá receber um email com o link de download.)