Falta de medicamentos é uma “realidade assustadora”, reclamam associações

O Infamed recebeu uma carta de 70 associações a alertar para a “realidade assustadora” de doentes cujo estado de saúde se tem “agravado”

O Infarmed recebeu uma carta de 70 associações a alertar para a realidade assustadora de doentes cujo estado de saúde se tem “agravado”.

De acordo com a agência Lusa, esta carta foi enviada por associações de doentes que integram a Convenção Nacional de Saúde e alerta para a falta de medicamentos, em especial, os medicamentos para o cancro, lamentando a demora na aprovação de medicamentos inovadores.

As associações pedem uma reunião urgente ao Infarmed e alertam para a inconstitucionalidade da limitação ao acesso a tratamentos.