Financiamento de novos medicamentos para o cancro limitado pela ADSE

O subsistema de saúde só pode comparticipar medicamentos para os quais exista decisão de financiamento pelo SNS

Em comunicado enviado aos hospitais privados no final do mês de agosto, esta informa que o subsistema de saúde “só pode comparticipar medicamentos para os quais exista decisão de financiamento pelo SNS [Serviço Nacional de Saúde]”.

Esta informação avançada pelo jornal Público revela ainda que na nota existe a possibilidade de situações excecionais e que a partir da próxima segunda-feira, dia 16, o pedido de autorização de comparticipaçãotorna-se obrigatório”.

A despesa da ADSE com medicamentos oncológicos cresceu 27% em 2018.

Deixe uma resposta

DOWNLOAD





(Irá receber um email com o link de download.)