Hospitais públicos avaliam alimentação dos doentes internados

Os hospitais públicos portugueses dispõem de uma ferramenta para avaliar o risco nutricional dos doentes internados

Os hospitais públicos portugueses dispõem de uma ferramenta para avaliar o risco nutricional dos doentes internados. Um projeto iniciado em abril e que foi já alargado a todos os hospitais pretende dar resposta aos cerca de 115 mil portugueses internados precisam de nutrição clínica, fazendo um diagnóstico precoce destas situações com o objetivo de melhorar.

Em comunicado publicado no Portal da Saúde, o Ministério da Saúde afirmou à data que “a avaliação do risco nutricional é um passo essencial para a implementação de uma estratégia de combate à desnutrição hospitalar, uma condição que se estima que possa estar presente em 20% a 50% dos doentes internados”. Segundo o Ministério da Saúde, a identificação precoce dos doentes com desnutrição ou em risco é essencial para promover o suporte nutricional adequado à sua recuperação.

Assinatura Dignus

DOWNLOAD GRATUITO

(Irá receber um email com o link de download.)