Aprovado fim das taxas moderadoras nos centros de saúde no Parlamento

O Parlamento aprovou hoje o fim das taxas moderadoras nos centros de saúde e em consultas ou exames prescritos por profissionais do Serviço Nacional de Saúde

O Parlamento aprovou hoje o fim das taxas moderadoras nos centros de saúde e em consultas ou exames prescritos por profissionais do Serviço Nacional de Saúde (SNS). A proposta do Bloco de Esquerda foi aprovada com os votos a favor do PS, PSD, PCP, PEV, PAN, e com o voto contra do CDS.

Em declarações ao Diário de Notícias o deputado do Bloco de Esquerda Moisés Ferreira afirmou que estas taxas impedem todos os anos centenas de milhares de utentes de fazerem consultas e exames. “São uma barreira de acesso aos cuidados de saúde“. “Na maior parte dos casos, [as taxas moderadoras] são pagamentos encapotados que obrigam o utente a pagar duas vezes. Com este projeto, garantimos que ninguém fica privado de cuidados de saúde por não os poder pagar“.